RECORDE MUNDIAL EM LEILÕES ONLINE

A pandemia veio mudar muitos aspectos da vida, tanto na sociedade como no mundo dos negócios. E se é verdade que a grande maioria das consequências são negativas, há também mudanças que, sendo parte de um processo de adaptação, têm aspectos positivos. 

A adaptação das leiloeiras e dos coleccionadores ao universo online tem criado oportunidades de parte a parte que permitem manter o mercado vivo e dinâmico.

Prova disso mesmo é o facto de se ter batido um novo record para uma transacção de um automóvel clássico num leilão online. 

O automóvel em causa é um Ferrari 275 GTB “long nose” de 1966, com a particularidade de vir equipado de origem com transmissão reforçada e com seis carburadores duplos. Foi arrematado por 2,6 milhões de euros.

Este foi só mais um Ferrari entre vários a atingir preços excepcionais em leilões recentes. Quatro das cinco vendas mais elevadas da Gooding & Co. no leilão realizado entre 5 e 7 de Agosto, corresponderam a modelos da Ferrari.

Em Maio, o mesmo sucedeu com o leilão da RM Sotheby’s, em que seis dos dez automóveis mais valiosos eram Ferrari, sendo um deles um Ferrari Enzo “pré-série”, que atingiu o anterior recorde em vendas online de 2,23 milhões de euros.

Obviamente, nas vendas à distância é muito valorizada a documentação destes exemplares. No mercado de particulares, onde as vendas à distância também começam a ser mais frequentes, a certificação como Veículo de Interesse Histórico é, por isso, um trunfo importante.