25ª EDIÇÃO 48H DO ALENTEJO

Beja foi novamente a cidade base do prestigiado rali de regularidade histórico do calendário da FPAK, as 48 Horas ao Alentejo, numa histórica 25ª ediçãoAs 48 Horas do Alentejo de 2020, realizadas de 16 a 18 de Outubro, aconteceram num enquadramento particularmente difícil, com as condicionantes inerentes à pandemia Covid-19 que está a afectar o Mundo.

A organização da Portugal Classic, em parceria com o CPAA – Clube Português de Automóveis Antigos, apresentou um Plano de Segurança rigoroso que mereceu a aprovação de todas as entidades oficiais – DGS, Autarquias e Forças de Segurança – e cujo reflexo mais importante começou logo na inscrição de 80 equipas, sendo 68 nacionais e 12 estrangeiras de seis países (Espanha, França, Suíça, Inglaterra, Áustria e Alemanha).

Esta prova de regularidade reservada a automóveis com mais de 30 anos, revelou uma fantástica diversidade de automóveis presentes, desde um popular Fiat Ritmo de 1984, ao desportivo Morgan 4/4 de 1967 ou ao elegante Triumph Roadster 2000 de 1948. O automóvel mas antigo foi um Ford A de 1930.

O programa ambicioso e diversificado incluiu, como habitualmente, as opções para percurso Desportivo e Turístico, com passagem pelos Concelhos de Beja, Alvito, Cuba, Évora, Ferreira do Alentejo e Vidigueira, proporcionando estradas e paisagens de beleza inigualável, valorizado pelo fantástico clima que brindou esta edição “bodas de prata”.
Os cerca de 200 participantes usufruíram de refeições de excelente nível, a que não foi alheio um rigoroso plano de distribuição pelas mesas, sempre uniformes em todo o evento.

Tiveram também oportunidade de visitar, em pequenos grupos bem organizados, de acordo com as regras de segurança em vigor, o Castelo do Alvito, diversos monumentos no centro histórico de Évora, Cidade Património Mundial da Unesco, o Museu da Vidigueira, assim como o magnifico cenário da Albufeira/Barragem de Odivelas, no último dia do evento.

A parte desportiva foi variada e competitiva, com 15 provas especiais de classificação, com alguns concorrentes a realizarem brilhantes prestações, em alguns casos com uma média por controlo inferior a um segundo. A classificação foi dividida em seis categorias no Percurso Turístico e no Desportivo. (Ver mapas das classificações)
A organização contou ainda com o sistema de cronometragem mais moderno e inovador para este tipo de eventos, que permite a publicação online de todos os resultados, da responsabilidade da My Time.

A comissão organizadora fez um balanço muito positivo, destacando o contributo de todos os participantes nas 25 edições, do Turismo do Alentejo, dos Municípios envolvidos e das empresas Patrocinadoras, assim como de todos aqueles que tornaram possível a sua realização. Assumindo o compromisso na organização da 26ª edição das 48 Horas Alentejo 2021, a organização deixou também um agradecimento especial à Revista Topos & Clássicos pelo seu contributo nas 25 edições do evento.

Vencedores por Categoria:

Percurso Desportivo:

Categoria C
António Viegas / Bernardete Viegas – Ford A Tudor: 453 Pts.

Categoria D
Agostinho Macedo / Ivo Tavares – MG J2: 65 Pts.

Categoria E
Pedro Carregosa / Ekta Sureschandre – Jaguar MkII 3.8: 38 Pts.

Categoria F
Sancho Ramalho / Rui Martini – Alfa Romeo Giulia Ti: 18 Pts.

Categoria G
Hugo Norton / Paulo Malhão – Porsche 911 SC: 48Pts.

Categoria H
Luis M. Garcia / João Serôdio – Porsche 944: 37 Pts.


Percurso  Turístico

Categoria D
Paulo Rosário / Ticia Peixoto- Plymouth Chrysler: 251 Pts.

Categoria E
Robert Streit / Heike Schneider – MG A: 32 Pts.

Categoria F
João B. Rodrigues / Afonso B. Rodrigues – Mercedes-Benz 190 SL: 16 Pts.

Categoria G
Conceição Lamn / Manfred Lamn – Volkswagen 1302: 19 Pts.

Categoria H
Carlos Grilo / Cristina Grilo – Fiat Ritmo 70: 25 Pts.