COMPENSAÇÃO DE CARBONO: PORQUE NÃO?

Todos nós, entusiastas dos veículos antigos, lutamos pela liberdade de continuar a usá-los livremente. No entanto, isso não significa que não tenhamos preocupações ambientais.É certo que, devido às curtas distâncias que percorremos, não há razão para sentimentos de culpa mas, se quisermos, o uso do veículo antigo pode ser o mote para fazermos algo de bom pelo planeta.

A compensação do carbono – em inglês, “carbon offsetting” – é uma ideia que tem vindo a ganhar tracção um pouco por todo o mundo, simples de por em prática e com inegáveis efeitos positivos, que para o ambiente, quer para a nossa consciência.

O processo começa por calcular qual a emissão de carbono resultante da utilização dos nossos veículos, tendo em conta o tipo de motor, o tipo de utilização e os quilómetros percorridos. Esse cálculo pode ser obtido através de ferramentas como o site carbonfootprint.com.

Supondo que conclui que o uso do seu (ou seus) veículo resulta numa emissão anual de uma tonelada de CO2, é possível compensar as suas emissões anuais por cerca de 10€! Mas como?

O seu contributo pode efectivamente compensar uma tonelada de CO2 sendo entregue a associações ONG’s que aplicam os valores recebidos em acções como programas de reflorestação, implantação de parques foto-voltaicos ou eólicos em zonas carentes de fontes de energia renováveis, programas de conservação da vida selvagem, etc.

Uma vez mais, vale a pena sublinhar que o nosso hobby tem um impacto muito reduzido no planeta mas, se custa tão pouco contribuir para um mundo mais saudável, porque não fazer da nossa comunidade um exemplo? Só depende de cada um de nós.